Grupo Oncoclínicas - Sua vida, nossa vida Oncoclínicas do Brasil

Auto imagem

O modo como o outro nos vê está diretamente relacionado à forma como nós nos vemos. E, muitas das vezes, nos deixamos abater diante do tratamento de câncer.

A adaptação à doença está vinculada a fatores objetivos (melhora física) e subjetivos (psicológicos). Dessa forma, remanejamentos em sua vida são necessários, para que você possa readquirir equilíbrio físico e psicológico.

Os efeitos colaterais do tratamento passam com o tempo, mas a forma como você se vê no espelho pode não permitir que perceba que, por exemplo, seu cabelo já começa a crescer, ou que sua pele voltou a ter o aspecto de antes.

Cuide do seu corpo, prevenindo-se dos efeitos colaterais do tratamento, mas cuide, acima de tudo, da sua mente e coração. São eles que lhe ajudarão a ter uma vida plena de oportunidades e novas emoções.

Sempre que sentir mal-estar físico, procure a equipe de cuidado para orientar e auxiliar quanto aos procedimentos a serem adotados para você se sentir melhor. O diálogo entre paciente e equipe de cuidado é muito importante.

Caso sinta dificuldade em adaptar-se a essa realidade e esteja sofrendo diante das mudanças que o tratamento impõe, procure a equipe de Psicologia.

Complicações clínicas podem ocorrer no decorrer do seu tratamento. É compreensível que você passe por uma fase de desencorajamento, ansiedade e depressão. Mas, não desista. Você é o principal responsável por manter o seu corpo e mente saudáveis.